quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Tomate Preto existe?

Comprei essas sementes de tomates que na teoria seriam pretos e logo plantei pq estava curioso pra saber como seriam. Eles são do tipo tomate-cereja, ótimo pois estou plantando em vasos na varanda de casa. Nesse post vamos fazer o acompanhamento do crescimento desse tomateiro e ver se os frutos são mesmo pretos ou não.

A germinação e primeiro transplante podem ser vistos nesse post, onde mostro as novas sementes germinando na varanda.

Aos 45 dias pós germinada, estava já num vaso mas ainda pequeno, apenas para que ela crescesse mais um pouco mas não enlouquecidamente como foi com o último tomate cereja plantado direto na jardineira.

Tomate-cereja recém transplantado para um vasinho com 45 dias.
Algumas semanas depois, já com as primeiras flores.

Por não saber qo certo qual o tamanho que esse tomateiro poderia chegar, resolvi manter no vaso pequeno mesmo sabendo que ela não se desenvolveria tanto, mas pelo menos deu a primeira florada de onde eu poderia ver o tal tomate preto, que ainda não sabia se era tipo cereja (pequeno) ou tomate normal, bem maior.

Apenas 1 tomate se formou a partir das flores.

Outro tomata apareceu depois de adubar um pouco a terra.
 Esperei por vários dias depois do tomate estar vermelho, bonito, pedindo pra ser colhido, mas nada de ficar preto. Pode ser falta de adubo (já que ao adubar outro tomate se desenvolveu ao lado), pode ser outro fator ou apenas que a semente não é de tomates pretos.

Novas flores apareceram no tomateiro
Depois de esperar mais alguns dias e semanas, decidi colher os tomates pois nenhum dos 2 ficou preto, apenas vermelhos mesmo. Continuo em busca do tomate preto, mas como já estava montando esse post ao longo das semanas de evolução dessa plantinha resolvi postar. Assim continuo em busca desse tomate.

Se alguém tiver alguma dica de onde posso conseguí-lo, aceito sugestões.

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Orégano, um poderoso aliado contra o envelhecimento

Sempre gostei de colocar orégano em tudo que eu cozinho pois tenho um pé que não para de crescer na minha varanda e quando eu vi a reportagem do Globo Repórter sobre as qualidades do orégano, fiquei bem feliz. Além de dar um belo sabor e aroma para as minhas receitas ainda ajuda contra o envelhecimento. O link para a reportagem no site do G1 está no final desse post.

Nesse blog já dei as dicas de como gerar mudas de Orégano e como plantá-lo em qualquer lugar, até mesmo em garrafas PET caso queira um jardim vertical na sua casa ou não tenha muito espaço.

Orégano em garrafa PET
Como disse a reportagem, ele é muito mais poderoso que o seu intenso sabor! É capaz de fazer uma faxina em nosso organismo. Fiquei surpreso que os cientistas descobriram que o orégano não tem apenas dois, mas 200 compostos antioxidantes que fazem bem a saúde. Descobriram que ele é um poderoso aliado no combate ao envelhecimento. Algo que sempre fiz e eles confirmaram estar certo é colocar o orégano depois que a pizza saiu do forno é o que faz bem, e não antes, como geralmente a gente faz.

Orégano na varanda
 Sempre o mais natural possível é o melhor. Por isso coloco as folhas frescas (não secas) nas minhas receitas, próximo ao final do cozimento. Assim não perco tantas compostos importantes e saudáveis.

Orégano fresco, recém coletado.
A reportagem ainda conta que entre os mais de 200 compostos rastreados em cada folhinha de orégano, os mais importantes são os polifenóis e flavónoides – antioxidantes. São eles que retiram os radicais livres que ganhamos por causa de comidas pouco saudáveis e estresse, por exemplo. São os radicais livres que danificam e até matam células, os responsáveis pelas doenças. Além de cheiroso o orégano ainda tem todo esse poder, impresisonante!

Segue o link para a reportagem do Globo Repórter: http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2015/09/oregano-e-poderoso-aliado-contra-o-envelhecimento-diz-estudo.html



segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Aumentando a variedade de mudas - Coentro, tomates e flores

Como sempre estou ganhando sementes, comprando em promoções na internet por centavos ou simplesmente testando as antigas que não brotaram por qualquer razão no passado, estou com uma nova leva de sementes plantadas. Frutas, flores, verduras e tempero, vamos ver o que brota dessa vez.

2 compartimentos por tipo de semente - Coentro, Morango, Tomate, Limão e Flor (desconhecida)
A terra utilizada foi a que eu veio adubando na minha compostagem que vem sempre recebendo novos restos de legumes, casca de ovo triturada e vez em quando algum humus de minhoca.

Já com alguns dias, algumas começaram a brotar, e contrariando a lógiva de que o Tomate seria o primeiro a brotar as sementes de flores, que ainda não sei quais são pois ganhei de presente e não busquei na internet pelo nome pois quero que seja surpresa, brotou na frente, com 10 dias.

Flores botando com 10 dias.
Passados mais alguns dias, tomando sempre cuidado de regar todos os dias quase que a conta-gotas para não machucar as mudinhas, 24 dias depois já tínhamos o Tomate, as flores com mais folhas e o Coentro já brotando.

Coentro, Tomate e Flores com 24 dias.
Como coloquei num local com bastante Sol da manhã, as mudinhas foram crescendo bem, mas demandando sempre água pois a terra ficava bem seca, especialmente a medida q elas cresciam. Um erro que cometi foi não ter transplantado antes as mudas pois elas pararam de crescer por falta de espaço por umas 2 semanas.

Coentro, Tomate e Flores com 45 dias.
Flores com folhas grandes e raízes saindo pelo fundo da sementeira
Finalmente consegui um tempinho para transplantar o Tomate e as Flores, deixando na sementeira apenas o Coentro que ainda estava se desenvolvendo bem. Agora vou acompanhar individualmente ambos os desenvolvimentos e tentar fazer com o Limão o que li em alguns blogs para estimular que brotem as sementes.

Tomate no seu vasinho individual

Transplantei alguns dias depois o Coentro que mesmo dizendo não suportar transplantes, se comportou bem. Um dica que li e tentei seguir foi de colocá-lo em terra não muito fértil, ou seja, coloquei numa jardineira minha que estava com uma terra antiga, seca, sem nada plantado, mas na primeira rega coloquei adubo líquido para ter algum nutriente. Apenas atenção para o torrão de raízes que não pode ser desmanchado nem machucado.

Coentro na sementeira
Muda com o torrão de sementes ao retirar da sementeira
Coentro transplantado para a jardineira
Num próximo post vamos acompanhar o crescimento do meu Tomate-Cereja que diz ter um fruto preto, e as miteriosas flores que não sei nem qual o tamanho e cor serão. Além de fazer uma nova tentativa com o Limão e o Morango.